Reflexões em Dias de Cólicas

Não fui a nenhuma manifestação de lado algum. Eu só faço trabalhar e nunca estou disponível.

E justo nessa última, eu estou mesmo é morrendo de cólicas.

Então, sob o efeito de remédios, ponho-me a expressar o que penso. Coisa perigosa nestes tempos de bicudos e voadorad apenas por conta da cor que se usa.

Mas, é triste a situação…

Triste chegar ao ponto de ter que escolher o menos pior. Triste ver que tudo isso não passa de corrida adiantada para as eleições de 2018. Uma polarização criada para eleger um herói nacional de oposição que faça frente à Lula e Dilma, na tentativa de retomada do poder que por tantos anos foi da direita…
Lula manteve-se em campanha por três períodos eleitorais e foi crescendo até se eleger, meio que como um paralelo. A estratégia agora da direita também é essa. Só que eles tem pre$$a e recur$o$o$ para fazer a coisa andar mais rápido. Seja pelo impeachment, seja por essa corrida eleitoral que se iniciou no dia da posse da presidente Dilma.
Eu aposto na dupla Bolsonaro/Feliciano como os próximos “paladinos da justiça e da moralidade cívica do povo brasileiro” para fazer frente à Dilma/Lula em 2018. É o cenário que parece estar se desenhando.
Seria possível alguma reação fora da polarização se Ciro Gomes se juntasse a alguém de algum dos únicos quatro ou cinco partidos até agora não citados em escândalos (PSOL, PCO, PCB e mais dois que esqueci agora).
Marina Silva, vulga tartaruga sem casca, conseguiu se apagar de um jeito que é até melhor ela ficar onde está mesmo. Seja onde for.
Jandira Feghali me vem à cabeca, mas nem sei o porque. Depois vou dar uma lida a respeito pra lembrar dela com propriedade.
E, por fim, o povo brasileiro fica de joguete nas mãos dos interesses políticos de quem, de um lado, quer fazer voltar um sistema desigual e ditatorial, ou, por outro, está enfraquecido por alianças que acabaram por nublar as várias conquistas populares que tornaram o país a oitava potência mundial.
Enfim, salvo por alguns idealistas de ambos os lados, vivemos a campanha eleitoral, não a luta ideológica pela democracia e o estado de direito.

Anúncios

E aí? Tá Gostando? Então comenta, ué?!?! :D

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s